24 C
Pedreiras
terça-feira, abril 16, 2024

Durante fuga, garimpeiros matam três indígenas Yanomami, diz líder

CRISE HUMANITÁRIA E SANITÁRIA


Ações de repressão a atividades clandestinas do garimpo, em terras indígenas Yanomami, já iniciaram, fazendo com que grande parte dos garimpeiros ilegais fugissem dos territórios. Em meio às fugas, três indígenas Yanomami foram assassinados, segundo o líder indígena Júnior Hekurari Yanomami. A informação foi divulgada ontem (05).

“Recebi informações das comunidades do Haxiu e Waphuta de que os garimpeiros mataram três jovens. Estamos muito preocupados. Hoje, sobrevoamos com a ministra onde tiveram as mortes. Têm muitos garimpeiros e helicópteros voando em cima. Nós ficamos muito preocupados . As comunidades querem ir lá para buscar esse corpo. Nós comunicamos a Polícia Federal, o Ministério Público Federal e a Funai para apoiar no resgate desses corpos que estão no Homoxi”, disse Hekurari.

Ações de saúde e enfrentamento à fome no território vem acontecendo em diversas regiões. Em Homoxi, Roraima, aonde aconteceu o assassinato, a presença de garimpeiros ilegais é ainda mais forte.

A crise humanitária e sanitária nas terras Yanomami é urgente. São as vidas de crianças, adultos e idosos indígenas diariamente em risco.

- Publicidade -spot_img
Colabore com o nosso trabalho via Pix: (99) 982111633spot_img
- Publicidade -spot_img

Recentes

- Publicidade -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Notícias relacionadas