29.4 C
Pedreiras
domingo, abril 14, 2024

Semana do Meio Ambiente do IFMA Pedreiras  – 2022

EDUCAÇÃO E MEIO AMBIENTE


A Semana do Meio Ambiente do IFMA – 2022 do Campus Pedreiras, realizada anualmente, tem como finalidade, comemorar o dia mundial do meio ambiente (05/06), além de promover a participação da comunidade interna do Campus, a comunidade externa na preservação do patrimônio natural do Estado do Maranhão e do nosso país. O evento sempre conta com a parceria dos municípios vizinhos e com empresas parceiras. Trata-se de um evento que visa conscientizar e sensibilizar a população sobre a importância da preservação do meio ambiente. Foram realizadas diversas atividades de educação ambiental, como palestras, oficinas e distribuição de materiais informativos.

Dessa forma, NEA (Núcleo de Estudos Ambientais) do IFMA Campus Pedreiras promoveu nos dias 09 e 10 de junho de 2022 a Semana do Meio Ambiente, sob a responsabilidade e coordenação de sua comissão interna, tendo à frente seu coordenador o Prof. Edson Barrinha. A temática principal, “Crise Ambiental e Qualidade de Vida”, desdobrou-se em dois subtemas, “A cidade que temos e a cidade que queremos” e “O uso sustentável dos recursos naturais”. No primeiro dia do evento, após a abertura oficial com a Prof. Andrea Serrão e Wênio Alencar, respectivamente, Diretora de Desenvolvimento Educacional (DDE)  e Diretor de Ensino (DE) do IFMA Campus Pedreiras, os estudantes assistiram a uma apresentação da  “Orquestra IFPED” e, em seguida, sob a coordenação da Professora Valéria Veiga, se organizaram em equipes para a realização de oficinas sobre a temática proposta, produzindo objetos, a partir de materiais recicláveis.

À noite ocorreu a palestra do Dr. e pesquisador Leonardo Madeira Martins, Gestor Ambiental. Sua palestra intitulada “Os riscos ambientais de uma política pública de saneamento ineficaz” despertou interesse, curiosidades e muitos questionamentos dos estudantes presentes. No segundo dia do evento deu-se continuidade às palestras. O jornalismo local foi muito bem representado, tendo à frente o jornalista Joaquim Catanhêde e a jornalista Mayrla Frazão, do jornal “O Pedreirense”, que discutiram a temática proposta pelo evento, fazendo uma relação entre a crise climática e as desigualdades sociais dela decorrentes, inclusive com exibição de documentários por eles produzidos.

Vereadora Iaciara Rios e vereadora Marly Tavares, juntamente com professor Antonio Carlos

Os representantes do Comitê de Bacia Hidrográfica do Rio Mearim (CBH), sob a coordenação do seu presidente Darlan Pereira Fernandes e de seus membros Vicente Camilo e Heider Santos, apresentaram uma discussão sobre a Bacia Hidrográfica do rio Mearim. Além disso, exibiram um pequeno documentário sobre as nascentes do rio Insono. Também se fizeram presentes a Vereadora Marly Tavares Soares Silva, presidente da Câmara Municipal de Vereadores de Pedreiras que fez uma discussão sobre a importância da água. A Empresa Eletroclima: Energia Solar, representada por seus proprietários Athos e Dalyne Rodrigues e engenheiros colaboradores, que também estiveram no evento fazendo palestras e expondo materiais (painéis solares, módulos etc) num stand montado na área de convivência do campus. A palestra procurou demonstrar a importância da energia renovável para a sustentabilidade do planeta.  

O Instituto Federal do Maranhão (IFMA) teve como representantes nos debates a Profª Dra Patricia Santos, o Profº Hadryan Lima Rodrigues e a comissão do evento que trouxeram para debates uma discussão sobre a proposta da cidade sustentável, patrimônio e sustentabilidade, bem como a crise ambiental que assola nosso planeta e que interfere na qualidade de vida de todos nós.

“A região do Médio Mearim ganha com eventos dessa natureza, afinal Pedreiras é a cidade-polo da Região de Planejamento do Médio Mearim, sendo o maior polo comercial, industrial, de serviços e educacional da região. É uma cidade que possui uma população de cerca de 40 mil habitantes e que apresenta alguns problemas socioambientais que necessitam ser discutidos para uma atuação melhor do poder público. Dessa forma, discutir meio ambiente, a partir daqui e de uma instituição que tem a finalidade de produzir conhecimento, tem um significado e uma amplitude ainda maior”, pontua o Professor Edson Barrinha.

José Edson da Silva Barrinha Prof. EBTT de Geografia do IFMA Campus Pedreiras e atual Coordenador do NEA/IFMA/Pedreiras.

- Publicidade -spot_img
Colabore com o nosso trabalho via Pix: (99) 982111633spot_img
- Publicidade -spot_img

Recentes

- Publicidade -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Notícias relacionadas