26.4 C
Pedreiras
segunda-feira, abril 15, 2024

A minuta golpista encontrada na casa do ex-ministro da Justiça de Bolsonaro

‘Fora das 4 linhas’


Sabe aquele conceito Made in Tiririca de que “pior do que tá não poder ficar”? Esta semana claramente mostra que ele não se aplica a Anderson Torres, ex-ministro da Justiça do governo Boslonaro e então Secretário de Segurança Pública do Distrito Federal, de férias, quando o coração da República fora vandalizado nos atos terroristas do domingo (08).

Exonerado e tendo a prisão decretada por Alexandre de Moraes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), é novamente notícia ao ser encontrado, em sua casa, minuta de decreto para instauração de estado de defesa no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), vidando mudar resultado da eleição presidencial 2022, a favor de Boslobaro, derrotado no 2º turno. Ação considerada inconstitucional.  

“É golpe. Não existe uma previsão legal para isso. Não existe no estado democrático de direito. É um ato preparatório de crime. Se fosse colocado em prática, levaria à prisão de Anderson Torres e do próprio Jair Bolsonaro”, explica Renato Ribeiro de Almeida, coordenador da Academia Brasileira de Direito Eleitoral e Político (Abradep), em matéria publicada no G1.

Por volta das 5h24 o ex-ministro e ex-secretário se manifestou sobre o assunto em publicação no Twitter. Veja o que disse Anderson Torres.

- Publicidade -spot_img
Colabore com o nosso trabalho via Pix: (99) 982111633spot_img
Joaquim Cantanhêde
Joaquim Cantanhêdehttp://www.opedreirense.com.br
Jornalista formado pela Universidade Estadual do Piauí (UESPI)
- Publicidade -spot_img

Recentes

- Publicidade -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Notícias relacionadas